Importância de levar seu animal de estimação no veterinário

dog-1912874__340[1]
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O profissional é fundamental para que a saúde do seu pet seja assegurada.

Para cuidar adequadamente dos animais, os donos de pets têm algumas noções básicas do que deve ser feito. Alimentá-los de forma adequada, fazer com que eles pratiquem exercícios e socializem são algumas das recomendações para que a vida dos bichos domésticos seja feliz e saudável. 

Nesse aspecto, a visita regular ao veterinário é fundamental para que haja a prevenção de doenças e a certeza de que a saúde do pet não corre nenhum risco. Abaixo, conheça as vantagens possíveis ao levar o seu animal para ser examinado por um profissional.

Acompanhamento do filhote

A exemplo dos bebês humanos, os primeiros meses de um cão ou gato são essenciais para que o organismo deles seja capaz de produzir os anticorpos necessários para defendê-los. Após serem desmamados, os filhotes ficam mais suscetíveis às doenças e aos parasitas.

Para evitar problemas com qualquer tipo de enfermidade, é essencial contar com o acompanhamento do veterinário desde cedo. Ele é o profissional capacitado e que saberá como cuidar do seu companheiro de maneira correta, avaliando o estado de saúde dele e percebendo eventuais problemas.

Se este é o seu primeiro animal, o veterinário também é capaz de orientar sobre como você pode cuidar dele da melhor forma. Ele pode ajudá-lo com dicas e informações sobre como preparar a casa para receber o pet adequadamente, quais itens você irá precisar, o que você pode ou não dar para ele comer, além de outras dúvidas comuns.

Ele também irá ajudá-lo em relação a melhor alimentação para ele neste período da vida, de forma que ele possa crescer com saúde. O veterinário pode até prescrever vitaminas, caso seja necessário, tudo pelo bem do animal.

Vacinas em dia

Outro ponto importante das visitas regulares ao veterinário é manter as vacinas em dia. Cães e gatos contam com um calendário próprio de vacinação, que deve ser respeitado desde quando eles são filhotes.

No caso dos cachorros, a primeira vacina é a óctupla. Ela previne contra uma série de doenças, como coronavirose, parvovirose, cinomose, hepatite, adenovirose I e II, parainfluenza e leptospirose. Ela é aplicada em três doses e deve ser reforçada todo ano.

Já no caso dos gatos, a principal vacinação é a quíntupla, que é dada em três doses nos primeiros quatro meses de vida dos felinos. Ela tem um reforço anual, prevenindo o animal contra panleucopenia, calicivirose, clamidiose, rinotraqueíte viral e leucemia. Os bichanos também devem tomar uma vacina contra raiva anualmente.

Detecção prematura de doenças

A ida periódica ao veterinário também facilita que ele detecte doenças quanto antes. Por meio de check-ups, com a realização de exames que avaliam sangue, urina e fezes, é possível perceber sinais de possíveis enfermidades. Quanto mais cedo isso for feito, maiores serão as chances de que o tratamento adotado seja um sucesso.

Por isso, é fundamental que as visitas aconteçam com frequência. O ideal é que você o leve ao veterinário, ao menos, uma vez a cada seis meses. Converse com ele sobre as condições do seu animal e veja se é necessário marcar consultas em um espaço mais curto de tempo.

Tratamento adequado

Por falar no veterinário, é apenas com ele que você terá a garantia de que o seu animal contará com o tratamento apropriado caso tenha qualquer problema de saúde. A partir do momento em que o profissional diagnosticar o quadro do pet corretamente, ele será capaz de propor o melhor tratamento.

O veterinário também pode indicar outros colegas, que sejam especialistas em determinada área, para que você tenha a opinião adequada sobre o quadro de saúde do bichinho.

Higienização

Em um primeiro momento, um ponto que muitos podem não associar ao profissional é a higienização. Mesmo que você esteja acostumado a dar banho no seu animal em casa, é muito importante levá-lo ao veterinário para que aconteça a higienização completa. 

Assim, podem ser feitos o corte das unhas e a tosa apropriada, sem machucá-lo no processo. Outra vantagem é que a higienização da clínica veterinária utiliza produtos específicos, que ajudam a combater parasitas, como pulgas e carrapatos.

Compartilhe com seus amigos!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no tumblr