Há diferença entre cerveja Pilsen e Puro Malte?

beer-2370783_960_720[1]
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Saiba o que são essas cervejas e descubra se há alguma diferença entre elas.

Independentemente da classificação do malte da cevada (Puro Malte ou Pilsen), este é o ingrediente mais importante da produção da cerveja, porém nem todas as marcas levam isso em consideração — sobretudo as mais populares, que adicionam ingredientes alternativos à composição da bebida para diminuir os custos.

De todo modo, a diferenciação entre Puro Malte e Pilsen deixa muita gente confusa na hora de comprar cerveja. Por isso, neste artigo falaremos sobre as duas classificações e explicaremos as diferenças entre elas. Confira!

Pilsen

A Pilsen, também chamada de Pilsener, é uma cerveja do tipo Lager, criada na Segunda Revolução Industrial, a partir do avanço da microbiologia e da eletricidade, que permitiu que os aparelhos das casas dos consumidores e os equipamentos das fábricas contassem com refrigeração. 

Ela é fabricada a partir de malte tipo Pilsen, lúpulo Saaz e água de baixa dureza, fermentados por levedo de baixa fermentação. Seu aroma rico e complexo vem do malte e ainda há um toque floral proveniente do lúpulo.  Com isso, o sabor complexo do malte é combinado ao amargor sutil do lúpulo, que possui baixo teor alcoólico.

A cerveja é transparente e amarelada, beirando o tom dourado, porém a espuma é branca e opaca devido ao espalhamento da luz no espaço entre as bolhas de ar e a bebida. Na maioria das vezes, o estilo Pilsen é utilizado nos rótulos de cervejas Standard American Lager, no entanto, a diferença entre elas se dá por não inserir adjuntos (arroz e milho) e por utilizar apenas o lúpulo do tipo Saaz, o que resulta em uma cerveja de aroma mais rico e complexo.

Puro Malte

A cerveja Puro Malte tradicional usa exclusivamente o malte de cevada como fonte de açúcar, evitando ao máximo a utilização de adjuntos, a fim de manter seu padrão de qualidade.

Muitas marcas que querem valorizar seu produto também adotam essa postura na produção da bebida, que é muito utilizada como fator estratégico de marketing e tem dado muito certo, uma vez que, em pouco tempo, essa categoria de cerveja conquistou muitos admiradores.

Por não levar cereais não maltados ou adjuntos em sua composição, a cerveja Puro Malte se enquadra perfeitamente dentro da famosa “Lei da Pureza Alemã”. Isso porque, segundo a lei, a cerveja pura deve ter apenas malte, lúpulo e água em sua composição (o fermento só foi adicionado após alguns anos da promulgação).

Qual a diferença entre a cerveja Pilsen e a Puro Malte?

As cervejas Pilsen, encontradas facilmente em depósitos de bebidas e supermercados, são as que possuem cores claras, trazem leveza ao paladar e têm menor amargor. A refrescância desse tipo de cerveja gelada é incomparável e facilmente reconhecida por qualquer consumidor.

Já as cervejas Puro Malte são as preferidas dos consumidores que apreciam o sabor do teor mais alto de malte de cevada a cada gole. No entanto, não se deve deixar influenciar pelo sabor adocicado e tom dourado: o amargor é algo imprescindível, precisamente pela quantidade elevada de lúpulo na receita.

Apesar das diferenças, não há como afirmar se elas geram cervejas de qualidade boa ou ruim. Isso depende bastante do gosto pessoal de cada amante da cerveja, assim como da maneira que cada gole é saboreado e até mesmo dos acompanhamentos experimentados com cada uma delas. 

O que não há como negar é que o processo de produção de cada uma é totalmente diferente, ainda mais em se tratando das cervejas artesanais, visto que as possibilidades nessa classificação de bebida são bastante variadas.

Compartilhe com seus amigos!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no tumblr