Glamping: conheça esse estilo de viagem e saiba como funciona

glamping-1695468_960_720[1]
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Acampar sem abrir mão do conforto é tendência em todo o mundo. Veja onde se hospedar em um lugar assim aqui no Brasil.

Você é o tipo de pessoa que adora o contato intenso com a natureza, mas acha que os acampamentos deveriam ter uma infraestrutura melhor? Para muita gente dormir numa barraca, tomar banho frio e fazer fogueira fazem parte da experiência, mas se esse tipo de programa não faz o seu tipo, você precisa conhecer o glamping.

A palavra é uma mistura de glamour e camping e quer dizer justamente que você não vai precisar abrir mão de alguns luxos da próxima vez que for acampar. Alternativa ao camping tradicional, essa é uma opção que oferece mais conforto ao visitante. Em alguns casos, acomodações de cinema.

Os glampings mais simples têm assoalho para montar a barraca em cima, além de banheiro com chuveiro aquecido e cozinha equipada. Já os mais sofisticados oferecem opções como tendas e cabanas já prontas e mobiliadas, além de banheiro privativo, refeições inclusas e até serviço de quarto.

Acomodações diferentes, como iglus, cúpulas, kombis e casas na árvore têm feito o maior sucesso porque, além de confortáveis, oferecem uma experiência única, contato intenso com a fauna e flora daquele local — e ficam ótimas nas fotos que os viajantes adoram exibir nas redes sociais.

Ficou interessado? Há boas opções em todo o mundo, incluindo destinos muito visados pelos amantes da natureza, como Patagônia, Caribe, Cordilheira dos Andes e savanas africanas. No Brasil, ainda é uma novidade, mas muitos lugares já estão preparados para te receber.

Amazônia

Se a intenção é contato intenso com a vida selvagem, a Amazônia é o nosso
destino mais famoso e visado. Por lá, os glampings já existem há algum tempo, já que os turistas estrangeiros, que adoram visitar a região, sempre pediram por um pouco mais de conforto e estão dispostos a pagar mais caro por isso.

Decorados com peças de artistas locais, bangalôs, cabanas e casas na árvore no meio da maior floresta tropical do mundo, oferecem uma experiência inesquecível. Muitos têm boa parte da estrutura feita de vidro, para proteger dos mosquitos e, ao mesmo tempo, oferecer o maior contato possível com todo aquele verde.

Pantanal

Outro destino com natureza exuberante e também com grande parte dos visitantes vindo de outros países, o Pantanal é outro destino pioneiro na instalação de glampings no Brasil. O turismo de observação de fauna e flora é o forte da região e a maior parte das hospedagens desse tipo foi planejada levando isso em conta.

Serviços de guia, passeios de barco, observação de onças-pintadas e aves, além de refeições com o melhor da culinária local estão entre os adicionais oferecidos por quem se hospeda em um glamping no meio desse bioma.

Jalapão

Recém descoberto pelo grande público e um dos lugares mais visitados do Cerrado, o Jalapão também já oferece algumas boas opções de glamping. A região ainda é bastante conservada e tem dunas, cachoeiras e nascentes que formam lagos impressionantes.

Nos glampings é possível alugar cabanas feitas com materiais e mão de obra local, algumas com vista para a Serra do Jalapão. Refeições, serviço de guia e flutuação já estão inclusos em muitos pacotes.

Praias do Nordeste

Para quem gosta de praias, o Nordeste brasileiro é um dos melhores lugares do mundo. Areia branca, águas mornas e muitas praias ainda pouco exploradas pelo turismo fazem da região um prato cheio para a instalação de glampings.

Alguns estados mais turísticos, como Bahia e Ceará, oferecem hospedagens com belíssimos bangalôs pé na areia, mas com infraestrutura completa, incluindo piscina, internet e restaurantes. Barraca cheia de areia e falta de energia elétrica, nem pensar.

Compartilhe com seus amigos!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no tumblr