Como a organização pode melhorar a sua rotina

laptop-2838921_960_720[1]
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Quem se planeja, perde menos tempo e consegue ser mais produtivo. Veja quatro dicas de ouro para começar já.

Muita gente tem pavor de rotina. Se ela vem junto da organização, então, pode parecer imediatamente algo chato e difícil. No entanto, quem usa essas duas palavras como guias, garante que a vida fica melhor e mais prática.

O ato de planejar seu dia pode contribuir não só para aumentar a produtividade no trabalho, mas também para fazer com que as tarefas do dia a dia se pareçam menos com bichos de sete cabeças.

Assim, ao contrário do que pode parecer, organizar a rotina não deixa o dia mais cansativo, mas te ajuda a ter mais tempo livre para se dedicar ao que quiser, até se o que você quer é poder ficar de pernas para o ar ou passar horas jogado na frente da TV.

É tudo uma questão de hábito, e o único jeito de se acostumar é praticando. Com o tempo, as tarefas ficam mais intuitivas e naturais. Até lá, algum esforço e força de vontade são bem-vindos para deixar a sua rotina mais organizada. Não sabe por onde começar? Então, confira as dicas abaixo.

Dica 1: tenha um planejamento

O planejamento é uma etapa fundamental da organização de qualquer rotina. É uma boa ideia anotar tudo o que você precisa fazer — no dia seguinte, na semana ou no mês — e estabelecer uma ordem de prioridade para essas atividades.

A ideia é que tudo seja feito, mas ao começar pelo que é fundamental, você se garante caso aconteça algum imprevisto. O planejamento pode ir se adaptando dependendo do que funciona ou não na hora da prática. No entanto, ter um guia é sempre um bom jeito de começar.

Ter uma agenda, um quadro ou até usar um aplicativo para se lembrar do que precisa fazer e ir marcando as atividades que completar costuma funcionar muito bem. Vale anotar tudo: a ida ao supermercado, a aula de ioga, o jantar com o amigo, a reunião de trabalho, etc.

Dica 2: se pode fazer agora, faça

Um dos principais problemas da falta de organização na rotina é que as tarefas vão se acumulando até ficar difícil zerar a lista, que parece infinita. Nesse caso, a sensação de incapacidade funciona como um empecilho e um convite à procrastinação.

No entanto, é possível evitar que a situação chegue a esse ponto de um jeito simples: se algo pode ser feito em minutos, que tal fazê-lo agora? Isso vale para lavar a louça ou enviar aquele e-mail, por exemplo. Se a atividade é realizada, sai da sua lista mental e abre espaço para outras.

Dica 3: mantenha os espaços organizados

Além de ser mais agradável, um espaço organizado e limpo é muito mais funcional, facilitando qualquer rotina. Sabe aquele tempo que você perde procurando as chaves ou o casaco que não usa há dias? Ele pode ser melhor aproveitado se você simplesmente souber onde esses itens estão.

Muito do estresse e da ansiedade que você sente pode ter a ver com um ambiente caótico. Quem diz que não liga para bagunça ou sujeira, provavelmente, precisa experimentar passar uns dias em um lugar em ordem para entender como o trabalho de organizar e limpar tudo facilita a rotina.

Dica 4: continue tentando

Quem está acostumado a ser desorganizado pode sentir muita dificuldade em adotar hábitos diferentes nos primeiros dias. Afinal, o cérebro está treinado para procrastinar e deixar tudo fora do lugar.

Nesses casos, a dica é não desistir. Com o tempo, vai ficando mais fácil, por isso, vale a pena forçar a barra consigo mesmo no começo. Para isso, peça ajuda de quem vive com você, deixe bilhetes pela casa e utilize a tecnologia a seu favor.

Compartilhe com seus amigos!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no tumblr