Tags

Posts com a tag ‘Streaming

Google lança seu novo serviço de música via streaming

Como alternativa ao Spotify, Rdio, Xbox Music, o Google lançou nesta semana seu próprio serviço de música via streaming. O Google Play Music foi desenvolvido em parceria com a Samsung e já está disponível no Brasil para os aparelhos da marca.

O banco de dados do serviço possui mais de 25 milhões de faixas e seguirá o modelo de algorítimos do Google, sugerindo músicas semelhantes àquelas que foram ouvidas no YouTube. Entre os recursos disponíveis estão também a possibilidade de download para música offline e armazenamento de até 20 mil canções na nuvem.

O Google ainda não divulgou quanto custará o serviço. Por enquanto, o Google Play Music pode ser utilizado de forma gratuita por três meses para quem tem tablets e smatphones. Já os donos de Samsung Galaxy S5, S5 Duos, S5 Mini, Note 4 ou Tab S tem direito ao serviço gratuito por seis meses.

Luz no fim do túnel: serviços de streaming fazem diminuir a pirataria de músicas

Um estudo da NPD Group mostrou que a quantidade de downloads de músicas ilegais teve uma redução de 26% em 2012 em relação ao ano anterior. Além disso, 40% das pessoas entrevistadas que em 2011 baixavam músicas ilegamente abandonaram a prática no ano seguinte.

Segundo a pesquisa, o motivo citado por mais da metade das pessoas que pararam de baixar músicas foi o uso de serviços de streaming, como o Spotify. Concorrente do Rdio e do Deezer, o aplicativo funciona como um “Netflix de áudio”. Basta assinar o serviço e, mediante pagamento de uma taxa mensal de aproximadamente R$ 20, você tem direito de ouvir diversos álbuns, sem limite de tempo ou quantidade.

No entanto, é uma ilusão imaginar que as pessoas, majoritariamente, pagam pelo conteúdo que consomem na internet. Apesar do crescimento dos serviços legais e pagos de distribuição de conteúdo (como o Spotify e o Netflix), é notório que o usuário da internet como um todo tende a preferir as plataformas legais e gratuitas (como o YouTube) ou simplesmente ilegais e gratuitas (caso de sites como Grooveshark, para música, e de inúmeros outras plataformas que contam com conteúdo em streaming de filmes e séries).


Apesar de não mensurada nesse estudo em particular, a disponibilidade instantânea, via streaming, de conteúdo pirata, certamente contribuiu para que as pessoas baixassem menos torrents. Isso não significa que elas consomem menos conteúdo protegido por copyright, apenas que fazem menos downloads. Logo, é preciso ver os resultados com cautela.

De acordo com o estudo, outro motivo para o abandono do download ilegal de música é o medo de vírus e spywares que muitas vezes são distribuídos por sites que oferecem esses conteúdos atualmente. O fechamento de serviços favoritos de download (talvez o Megaupload?) foi a razão de 20% terem abandonado a prática de baixar músicas. 44% dos entrevistados também pararam de ripar CDs (copiá-los para o computador), prática comum na década de 2000. “Entre outros fatores, o aumento no uso de serviços de streaming legais e licenciados se provou uma alternativa para os fãs da música que antigamente usavam redes P2P para conseguir as canções”, disse Russ Crupnick , vice-presidente da NPD, esperançoso.

Caso você seja músico, e queira embarcar de vez nesta onda de streaming e disponibilizar suas músicas nestes canais, confira os artigos que preparamos ‘Como faço para ter minhas músicas em serviços de streaming?’ e também ‘Como inserir suas músicas na Itunes Store’.

Com informações dos sites Canal Tech, TechTudo e Olhar Digital.

Com cada vez mais opções para serviços de streaming de músicas, usuários têm mais uma de peso: Sony Mu

Acirrando ainda mais a briga no mercado brasileiro de música via streaming, em forte expansão em 2013, a Sony anunciou sua própria plataforma, a Music Unlimited, para concorrer com os já conhecidos Rdio, Deezer, Xbox Music e o Spotfy – acredita-se que este último chegue ao Brasil ainda neste semestre.

Todos esses são serviços de música online, que permitem ao usuário ouvir quantas faixas quiser, onde estiver, de forma gratuita ou pagando uma mensalidade, como um Netflix dedicado à música.

O Music Unlimited oferece 20 milhões de canções e duas opções de plano: um, chamado ‘Acesso’, que custa R$7,90 por mês e permite a utilização em computadores e no PlayStation 3; o mais completo, contudo, é o plano Premium, cuja mensalidade é R$ 14,90, e pode ser acessado em computadores, smartphones, tablets, aparelhos de Blu-ray, smartTV, PlayStation 3 e o PlayStation Vita.

O lançamento do MU se deu em parceria com a casa de shows Circo Voador, do Rio de Janeiro, que irá oferecer uma curadoria no site, sugerindo músicas dentro de temáticas específicas a cada seis semanas.

Para o período de lançamento, o Music Unlimited oferece uma promoção de 30 dias gratuitos para os usuários que adquirirem o plano Premium, semelhante ao realizado por seus concorrentes.

COMPARATIVO

Pensando em todas as possibilidades disponíveis, o blog Tecnoblog preparou uma tabela comparativa com vários desses serviços para ajudar na decisão final:

Como o MU não havia sido anunciado ainda, ficou de fora desta lista, mas é possível saber mais sobre o serviço e até mesmo experimentá-lo através do site oficial.

PUBLIQUE SUAS MÚSICFAS EM SERVIÇOS DE STREAMING

A maioria dos artistas ainda se pergunta como fazer para que suas músicas possam ser disponibilizadas nestas plataformas. Por isso, separamos alguns destes serviços e explicamos o que precisa ser feito.

Então, você, músico, que tem interesse em publicar suas músicas nestes serviços, confira os artigos que preparamos ‘Como faço para ter minhas músicas em serviços de streaming?’ e também ‘Como inserir suas músicas na Itunes Store’.

Tire proveito das oportunidades que a internet oferece com relação à música, seja para consumir ou produzir.

Youtube abre streaming ao vivo para perfis com 100 ou mais assinantes

Youtube abre streaming ao vivo para perfis com 100 ou mais assinantes → http://bit.ly/1dm4EyQ

Como faço para ter minhas músicas em serviços de streaming?

Mês passado nós falamos aqui no blog a respeito dos serviços de streaming, que ajudaram impulsionar o mercado da música em um contexto de confusão formada pelas facilidades introduzidas pela era digital – como a pirataria.

musica onlineMas a maioria dos artistas ainda se pergunta como fazer para que suas músicas possam ser disponibilizadas nestas plataformas. Por isso, separamos alguns destes serviços e explicamos o que precisa ser feito. Se liga:

Rdio

O Rdio chegou ao Brasil no fim de 2011 a partir de uma parceria com a operadora Oi. Hoje, oferece um catálogo vasto, que tem 18 milhões de canções. Ele tem três planos diferentes: R$ 8,99 para reprodução em computadores, R$ 14,99 para streaming também em dispositivos móveis e R$ 22,99 em um plano família, que disponibiliza duas assinaturas ilimitadas.

Ele tem um forte apelo social: em vez de ser apenas um serviço para ouvir músicas, ele foca em descoberta de músicas.

Atualmente trabalham apenas com agregadores e distribuidores para adicionar músicas no serviço. Assim, se você tem um distribuidor deve informá-lo se quiser colocar suas músicas nesta plataforma.

Se você é artista independente, a forma mais fácil para colocar músicas no site seria colocá-las no CD Baby ou o Tunecore, pois agora o Rdio está ingerindo todo o conteúdo deles.

Você pode saber mais no Help Center > Inserção de Conteúdo no Oi Rdio

GroveShark

Um dos mais tradicionais e antigos serviços de streaming de músicas do mercado, o Grooveshark está online desde 2007 e um de seus grandes pontos positivos fica por conta de não exigir um cadastro para aproveitar seu conteúdo. Basta acessar seu site, escolher uma música e ouvir. De graça. Simples e rápido.

Caso você queira se cadastrar no serviço, obviamente terá alguns benefícios, como criar listas de reprodução, salvar músicas favoritas e também reprodução em celulares – caso seja assinante de um plano que oferece este recurso.

É de graça para hospedar seu conteúdo e gerenciar sua presença no site. Na verdade, o processo é bem simples. Basta se logar e fazer o upload da sua música.

SoundCloud

O SoundCloud não é bem um serviço de streaming, mas também é bem útil para músicos que querem divulgar seu trabalho, conhecer novos artistas e promover sua banda online.

Lá você pode divulgar e compartilhar suas próprias produções musicais com seus seguidores do SoundCloud e em várias redes sociais como o Facebook, Tumblr e Twitter. Você ainda pode divulgar sua música em seu próprio site ou blog, utilizando um widget altamente customizável.

Para criar uma conta no site SoundCloud, tudo o que precisamos fazer é visitar a página inicial do site SoundCloud e procurar a opção “Sign up” depois de entrar nesta opção sera necessário preencher um pequeno formulário, desse modo é criada uma conta gratuita.

Tire proveito das oportunidades que a internet oferece: divulgue seu trabalho, lucre.

Farol Digital

 

Siga o @estrombo

Facebook