Blog

O relacionamento artista-público nas redes sociais

Be Sociable, Share!

guitarra

A tecnologia digital vem modificando as práticas do negócio da música em vários aspectos, do surgimento de novos canais de distribuição ao aparecimento de novos agentes e mediadores na cadeia produtiva. Grande parte dos artistas e produtores enxerga as novas tecnologias como fundamentais no processo, da criação à distribuição: elas têm se mostrado fundamentais para os profissionais independentes, que estão nos sites de redes sociais criando formas de fazer a música circular.

No entanto, ao mesmo tempo que a tecnologia cria oportunidades para a classe artística, também cria deveres, como a necessidade de construir e manter um relacionamento com o seu público e com os outros agentes da cadeia produtiva da música. Isso parece fácil, certo? Pelo contrário: demanda grande esforço dos músicos manter seus perfis em redes sociais e interagir com os fãs. Na rede, tudo precisa ser atualizado o tempo todo, respondido e comentado.

As grandes perguntas que o artista deve fazer ao criar um perfil num site de rede social são “para quê?” e “esse site é o melhor para o meu objetivo?”. Por exemplo, o MySpace pode até funcionar sem muita interação, mas se popularizou como um bom lugar para expor as músicas e divulgar datas de show; já o Twitter e o Facebook demandam constante atualização e interação. No caso do Facebook, você ainda precisa escolher se vale mais a pena manter a página, o perfil ou os dois. Isso para ficar só nos sites mais populares. O ponto a ser observado é: quando você oferece ao fã um lugar para ele interagir, é dever do artista participar dessa interação.

Um dos objetivos do projeto Estrombo é estimular formas inovadoras de integração da cadeia produtiva da música com novos canais de distribuição, dentre eles, as redes sociais. Por isso, queremos saber como você enxerga e trabalha essas possibilidades de comunicação no ambiente digital. Use o espaço de comentários abaixo ou o formulário de contato para participar desse debate. Inspire-se no blog do Estrombo e acompanhe as novidades também no Twitter, Facebook, YouTube e Flickr.

Be Sociable, Share!

Posts relacionados

4 comentários

  1. [...] This post was mentioned on Twitter by Leandro Sacs, Estrombo. Estrombo said: No blog do #Estrombo: Como você, profissional da música, se relaciona com seu público nas redes sociais? http://ow.ly/3Kvvy [...]

  2. Primeiramente parabéns pelo trabalho equipe “Estrombo”!
    Sou cantora, catarinense e há apenas 5 meses no Rio de Janeiro. As redes sociais são fundamentais hoje no meu trabalho, nos proporcionam uma interação que eu particularmente adoro. Concordo com a questão levantada “para quê?” eu participo das principais redes sociais, atualizo diariamente, tento articular e movimentar meu círculo de contatos, mas preciso ficar atenta às mudanças, às novas redes… Se não houver uma resposta para esta pergunta, melhor não ter! Já precisei fazer escolhas e até a abandonar algumas dessas redes que pouco fazia uso… O myspace foi a rede que abandonei primeiro, depois o perfil pessoal no facebook, atualmente mantenho a página no facebook, twitter, youtube e há poucos dias o Google+. Eu acredito que as redes sociais podem ser uma boa forma de formação de público. Mas, para isso há a necessidade contante de informação sobre as inovações do que envolve o uso das redes e muita interação.

    1. Oi Lilian,

      nós que agradecemos a sua participação. A oferta no meio das redes sociais é muito grande e, muitas vezes, não há braços suficientes para dar conta de todas. De fato, o melhor caminho é focar em algumas e tentar tirar o máximo proveito delas.

      Abraços,
      Equipe Estrombo.

  3. [...] para aproximar fãs de artistas e como um novo canal para a distribuição de músicas. Em post anterior, perguntamos como os artistas usavam as redes sociais. A cantora de MPB Lilian fez um comentário e [...]

Deixe um comentário

Farol Digital

 

Siga o @estrombo

Facebook