Blog

Seminário reúne convidados internacionais no Rio

Be Sociable, Share!

Foto: Guitar Study 1, por fmerenda, CC BY-SA 2.0

Ontem teve início o “Projeto Encounters – Comprador & Imagem”, do Brasil Music Exchange, promovido pelo Centro Cultural Midrash, pelo Sebrae e pela BM&A, no Rio de Janeiro. O seminário com os convidados internacionais deu a largada para as sequências de mesas-redondas e pitchings, onde os empresários e artistas brasileiros apresentaram seus produtos com o objetivo de fechar parcerias e negócios.

Tracy Maddux, diretor executivo da CD Baby, foi o primeiro a apresentar sua empresa. Um dos maiores distribuidores de música digital voltado para músicos independentes, o CD Baby oferece diversas ferramentas e firma parcerias com empresas como iTunes, Soundcloud e Facebook para que os músicos tenham a melhor exposição possível do seu produto. Algumas vantagens da plataforma dirigida por Tracy é o grande número de usuários, a distribuição ser auto-administrada por artistas e bandas e o alcance global. Além disso, acrescentou que o CD Baby pode ser um excelente espaço de divulgação dos artistas iniciantes. Músicos de grandes gravadoras, como Jack Johnson e Regina Spektor, começaram suas carreiras usando a plataforma.

Em seguida, foi a vez de Kyle Hopkins falar um pouco do seu trabalho como supervisor de música da Microsoft. O público assistiu alguns vídeos de projetos coordenados por Kyle, que explicou a importância da sua função: “Fazer supervisão musical é encontrar a melhor música para o momento certo”. E são de vários tipos os trabalhos supervisionados por ele, de games e softwares a campanhas de marketing.

Kavi Ohri apresentou a Music Dealers, empresa de licenciamento que conecta diferentes músicas de diversos artistas independentes com as várias oportunidades de uso de suas faixas por grandes marcas. O empresário falou que essa é uma época muito empolgante, em especial para a música independente do Brasil.

Depois, Matt McDonald contou um pouco sobre a sua função na CMJ Network. Sua atividade principal é montar o showcase de artistas na Maratona de Música CMJ, mas também supervisiona vários eventos e iniciativas de licenciamento musical na CMJ.

Melinda Lee veio representando o Getty Images Music, departamento especializado em música de uma das maiores empresas de licenciamento de conteúdo do mundo. A Getty Images Music media o licenciamento de músicas para filmes, programas de televisão e, até mesmo, livros. O site tem milhares de visitantes por mês, sendo que muitos deles são criadores de conteúdo procurando música para inserir em suas produções. Ela resumiu de forma bem direta sua presença no evento: “Estou aqui para procurar música boa do Brasil”. E deu uma boa dica para os artistas interessados na plataforma: é importante oferecer cortes de 30, 60 e 90 segundos das faixas para serem usados em campanhas publicitárias e também disponibilizar versões instrumentais, pois são demandas constantes de seus clientes.

A próxima a se falar foi Leticia Montalvo, que tem uma intensa relação com a música brasileira. Em 1993, ela fundou a empresa Tempest Entertainment e, na apresentação, comentou alguns futuros projetos, entre os quais, um que visa destacar no cenário internacional a música feita no Brasil.

A empresa Cyper PR foi fundada por Ariel Hyatt para orientar e criar planos de mídias sociais para artistas independentes. Já que cuidar de uma carreira musical dá bastante trabalho, a ideia é ajudar os músicos a desenvolverem suas histórias em redes como o Facebook, YouTube, Twitter e Pinterest, atraindo mais fãs e oportunidades de negócios.

Por fim, Robert Singerman, que tem uma relação de mais de trinta anos com o mercado fonográfico, encerrou a primeira parte do “Projeto Encounters” falando de alguns dos seus projetos, como LyricFind e o 88tc88. O empresário destacou a importância das letras de música, um dos termos mais pesquisados no Google.

Após as apresentações, público e convidados se reuniram para trocar ideias e desenhar planos para criar novos negócios em música.

Acompanhe o Estrombo também nas redes sociais: Twitter, Facebook e YouTube.

Foto: Guitar Study 1, por fmerenda, CC BY-SA 2.0

Be Sociable, Share!

Posts relacionados

Deixe um comentário

Farol Digital

 

Siga o @estrombo

Facebook